Pesquisa
Últimas Postagens
Medida Provisória 756 na íntegra!
Delegacias farão bloqueio automático de celulares roubados!
Luto - Edmar Ricardo Winckler!
IMPOSTO SOBRE TEMPLOS!
Dia do Tenista!
Musicanto!
Troca de experiências!
Dia Mundial do Meio Ambiente!
Dia 10 tá chegando!!!
Brandão entrevista jornalistas no Dia da Imprensa!
Atuação dos vereadores em numeros!
Participe de nosso LIVE - Falando sobre CULTURA!
Nossa atuação em numeros ate este momento (2017)
Nota de Esclarecimento
Visitando Hospital Regional com Janaina Riva!
Sorteio de ingressos!
Leilão Virtual Solidário!
Conheça as atribuições do Vereador!
Vereador Brandão auxilia a IFMT de Sinop!
Gabinete Virtual ATUANTE!
Tarumãs em paz!
Deputado na Câmara!
Pôr do Sol Cultural!
Hospital Regional de Sinop!
Cultura no domingo!
Parceria de sucesso!
Esteja em contato com Vereador Brandão!
Obra do Corró em andamento!
IML de Sinop esta abandonado!
DEFESA DOS ARTISTAS LOCAIS!
Por uma cidade LIMPA!
S.O.S Tarumãs!
Pesar - Taciana Balth Jordão!
Mais efetivo da PRF para Sinop!
Só com educação, só pela educação!
MAIS UMA VITÓRIA - Assistentes Sociais!
Exemplo de Policial!!!
Lei do Trote Acadêmico não está sendo cumprida
Deu no Rd News!
“Corró” da delegacia será reformado com recursos da prefeitura
Parabéns Oraica!
Corró!!!
Seis hábitos que podem estragar seus dentes
Facebook enfrenta processo nos EUA por função de marcar fotos
5 cuidados para não perder seu dinheiro ao investir em franquias baratas
Lei autoriza microempreendedor a usar residência para sediar empresa
OAB oficia Anatel sobre franquia de internet fixa
Setor de serviços piora em abril e demite mais
Lote de teste da 'pílula do câncer' fica pronto
Novas formas de trabalho precisam de regulação, defendem especialistas
Gestores ainda têm resistência em contratar pessoas com deficiência no Brasil
UTI’s do Hospital Regional serão desmontadas amanhã
Eleições 2016: prazo para tirar título de eleitor se encerra em 4 de maio
Sancionado lei que libera a FOSFOETANOLAMINA!
Minha manifestação contra a corrupção!
Coalizão Não Fracking em Curitiba!
Visitando Instituto de Turismo de Curitiba!
Feira do Largo da Ordem em Curitiba!
Visita à Prefeitura de Curitiba!
Visita à FIEP!
29 Abril
UTI’s do Hospital Regional serão desmontadas amanhã
 Publicado por Fernando Brandão em 29.04.2016 às 13:10

Fundação rompe contrato com empresa que presta o serviço e detém os equipamentos

 

A Fundação de Saúde Comunitária de Sinop (Santo Antônio), responsável pela gestão do Hospital Regional de Sinop, rompeu o contrato com a Pró-Clin - empresa que presta o serviço de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo), adulto e pediátrica no Hospital Regional. Com o cancelamento do acordo comercial, a empresa fará a retirada dos equipamentos, medicamentos e profissionais alocados na UTI do Hospital.

Segundo o gerente geral da Pró-Clin, Adriano Sousa, a empresa recebeu uma carta comunicando o cancelamento do contrato. A ruptura acontecerá em dois momentos. Amanhã, sábado (30), encerra o serviço de UTI adulto prestado pela empresa. A partir do dia 15 de maio serão suspensos os serviços da UTI pediátrica e neo-natal. “O contrato previa a rescisão unilateral [por qualquer uma das partes]. A Fundação nos comunicou que não tinha mais interesse no serviço prestado pela Pró-Clin e cabe a empresa acatar”, informou o gerente geral da empresa.

A Pró-Clin possui dois contratos referentes ao serviço de UTI do Hospital Regional de Sinop. O primeiro foi firmado no final de 2014, durante a gestão do interventor Manoelito Rodrigues, e é referente aos 15 leitos de UTI adulto. O segundo contrato foi firmado já no governo Pedro Taques (PSDB), em junho de 2015, e se refere aos 10 leitos de UTI infantil. Ambos os contratos tinham vencimento previsto para junho de 2017, quando encerra também o contrato do Estado com a Fundação de Saúde Comunitária de Sinop.

Para implantar as UTI’s do Hospital Regional a Pró-Clin investiu cerca de R$ 2 milhões em equipamentos, além de deslocar profissionais da saúde especialistas em medicina intensiva. Com equipamentos novos e uma equipe com experiência, a UTI do Hospital de Sinop, embora pública, era avaliada como uma das 3 melhores do Estado.

Com a suspensão do contrato, esses equipamentos serão retirados do hospital. Conforme o gerente da Pró-Clin, na UTI Adulto, alguns equipamentos são do Estado, embora a maioria sejam da empresa. Já na UTI pediátrica, inaugurada por Taques em junho de 2015, todos os equipamentos são da Pró-Clin. “Não há possibilidade de manter as UTI’s funcionando sem esses equipamentos. Será preciso instalar outros no Hospital”, revelou Adriano.

A empresa fez uma proposta de compra ou locação dos equipamentos para a Fundação Santo Antônio. Até o momento, informou Adriano, não houve uma manifestação sobre o interesse em permanecer com os aparelhos. A proposta tem validade até hoje, sexta-feira. “Embora o contrato tenha sido rompido, a empresa mantém um bom relacionamento com a Fundação Santo Antônio e estamos dispostos a colaborar com o que for necessário”, ressaltou o gerente da empresa.

O “bom relacionamento” independe dos prejuízos financeiros que a empresa está tendo com o Hospital Regional. O pagamento pelos serviços da UTI Infantil estão atrasados desde janeiro. Já os da UTI adulto, desde fevereiro. Estima-se que a Pró-Clin tenha aproximadamente R$ 2 milhões para receber em valores atrasados. São pagamentos que deveriam ter sido feitos pela Fundação Santo Antônio.

 

O outro lado

O GC Notícias tentou ouvir os representantes da Fundação de Saúde Comunitária de Sinop. Em ligação para o presidente da Fundação, o médico Jorge Nishimura, a secretária informou que ele estava ausente e que não estava autorizada a repassar o seu celular. Deixamos um telefone para contato mas o mesmo não retornou.

Buscamos também contato com o vice-presidente da Fundação, o senhor João Carlos Giraldi e fomos informados que o mesmo se encontra na Alemanha, com previsão de retorno em um mês. Nos telefones do Hospital Regional de Sinop (3533-2900 e 3533-2907) também não houve resposta. A informação é de que os números foram desabilitados.

Com isso não há posição da Fundação de como serão geridas as UTI’s do Hospital, se haverá compra ou locação de equipamentos ou mesmo a terceirização para uma segunda empresa privada. Outra preocupação é quanto ao período de “desinfecção”, que será necessário após a retirada dos atuais equipamentos e a instalação dos novos.

Além das UTI’s do Hospital Regional, Sinop conta com UTI’s no Hospital Santo Antônio, de propriedade da Fundação. 

 

Fonte: Jamerson Miléski

http://www.gcnoticias.com.br/geral/utis-do-hospital-regional-serao-desmontadas-amanha/26016152


E-mail: