Pesquisa
Últimas Postagens
Justiça sendo restabelecida!
Medida Provisória 756 na íntegra!
Delegacias farão bloqueio automático de celulares roubados!
Luto - Edmar Ricardo Winckler!
IMPOSTO SOBRE TEMPLOS!
Dia do Tenista!
Musicanto!
Troca de experiências!
Dia Mundial do Meio Ambiente!
Dia 10 tá chegando!!!
Brandão entrevista jornalistas no Dia da Imprensa!
Atuação dos vereadores em numeros!
Participe de nosso LIVE - Falando sobre CULTURA!
Nossa atuação em numeros ate este momento (2017)
Nota de Esclarecimento
Visitando Hospital Regional com Janaina Riva!
Sorteio de ingressos!
Leilão Virtual Solidário!
Conheça as atribuições do Vereador!
Vereador Brandão auxilia a IFMT de Sinop!
Gabinete Virtual ATUANTE!
Tarumãs em paz!
Deputado na Câmara!
Pôr do Sol Cultural!
Hospital Regional de Sinop!
Cultura no domingo!
Parceria de sucesso!
Esteja em contato com Vereador Brandão!
Obra do Corró em andamento!
IML de Sinop esta abandonado!
DEFESA DOS ARTISTAS LOCAIS!
Por uma cidade LIMPA!
S.O.S Tarumãs!
Pesar - Taciana Balth Jordão!
Mais efetivo da PRF para Sinop!
Só com educação, só pela educação!
MAIS UMA VITÓRIA - Assistentes Sociais!
Exemplo de Policial!!!
Lei do Trote Acadêmico não está sendo cumprida
Deu no Rd News!
“Corró” da delegacia será reformado com recursos da prefeitura
Parabéns Oraica!
Corró!!!
Seis hábitos que podem estragar seus dentes
Facebook enfrenta processo nos EUA por função de marcar fotos
5 cuidados para não perder seu dinheiro ao investir em franquias baratas
Lei autoriza microempreendedor a usar residência para sediar empresa
OAB oficia Anatel sobre franquia de internet fixa
Setor de serviços piora em abril e demite mais
Lote de teste da 'pílula do câncer' fica pronto
Novas formas de trabalho precisam de regulação, defendem especialistas
Gestores ainda têm resistência em contratar pessoas com deficiência no Brasil
UTI’s do Hospital Regional serão desmontadas amanhã
Eleições 2016: prazo para tirar título de eleitor se encerra em 4 de maio
Sancionado lei que libera a FOSFOETANOLAMINA!
Minha manifestação contra a corrupção!
Coalizão Não Fracking em Curitiba!
Visitando Instituto de Turismo de Curitiba!
Feira do Largo da Ordem em Curitiba!
Visita à Prefeitura de Curitiba!
15 Julho
Delegacias farão bloqueio automático de celulares roubados!
 Publicado por Fernando Brandão em 15.07.2017 às 00:00

A partir do dia 17 de julho, o bloqueio de aparelhos celulares roubados ou furtados poderá ser realizado em todas as Delegacias da Polícia Judiciária Civil, no ato do registro do boletim de ocorrência.  A inserção para o bloqueio será automática possibilitando rapidamente a desativação dos telefones junto à Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações (ABR Telecom).

 

A empresa é credenciada junto à Agência Nacional de Telecomunicações para gerenciar o módulo CEMI (Cadastro de Estações Móveis Impedidas), destinado a inutilizacão de aparelhos celulares subtraídos.

 

O termo de adesão com a Anatel foi assinado em 2016, com a Polícia Judiciária Civil, para acesso ao módulo CEMI Segurança Pública. Desde o final de fevereiro de 2017, a Polícia Civil já realiza o serviço, com inserções manuais, em seis unidades policiais com senha de usuários para inclusão dos pedidos de bloqueios.

 

Agora foi concluída a integração via Web Service ao Módulo CEMI-Segurança Pública, que permite aos órgãos de segurança realizar o registro de bloqueio/desbloqueio a partir do próprio sistema de gestão da ocorrência. Desta forma, a função permite que o servidor após fazer o registro de roubo ou furto de celular, insira a pedido da vítima, os dados do telefone móvel, que imediatamente ficará inoperante.

 

O CEMI é uma plataforma centralizada que objetiva impedir que aparelhos de telefonia móvel roubados, furtados ou extraviados sejam utilizados indevidamente nas redes das operadoras brasileiras. O bloqueio do aparelho visa reduzir as ocorrências de roubos e furtos de celulares, que representam uma fatia grande dos registros de boletins de ocorrência. No ato da comunicação, o cidadão vítima deverá informar que desejar realizar o bloqueio do aparelho.

 

“O procedimento é rápido e simples. A vítima deve procurar uma delegacia de polícia e no ato do registro do boletim solicitar o bloqueio do aparelho, informando o número da linha telefônica e o CPF do titular da linha habilitada junto à operadora. Isso quer dizer, na prática, que esse aparelho, uma vez bloqueado fica inutilizado.

 

Qualquer chip de qualquer operadora que for inserido nesse aparelho bloqueado não vai funcionar. Acreditamos que essa medida vai ajudar a reduzir os índices de roubos e furtos de equipamentos de celular", explicou a delegada titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Cuiabá, Luciani Barros.

 

De acordo com a Gerência de Inteligência Estratégica da PJC, a função de bloqueio das atividades operacionais de aparelho de telefonia móvel está integrada ao Sistema de Registro de Ocorrência Policial (SROP), disponibilizado a todos os servidores.

 

Aos policiais que operam o SROP, dúvidas e maiores informações sobre a função podem ser esclarecidas pela Gerência de Inteligência Estratégica, através do telefone: 65-3613-5619 (Adriano ou Rosires).


E-mail: